Comissão externa de combate à violência contra a mulher e feminicídio aprova plano de trabalho

A comissão externa de combate à violência contra a mulher e feminicídio realizou a primeira reunião nesta terça-feira (26). A deputada Flávia Arruda (PR/DF), coordenadora do grupo, apresentou dados relacionados ao tema e o plano que irá nortear os trabalhos.

O colegiado aprovou cinco requerimentos de autoria da deputada. A partir deles serão encaminhados os convites a autoridades e representantes da sociedade civil, entre eles está a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, representantes da ONU Mulheres e de órgãos especializados.

violência contra a mulher e feminicídio aprova plano de trabalho - Comissão externa de combate à violência contra a mulher e feminicídio aprova plano de trabalho

Durante e abertura da reunião, Flávia ressaltou o papel de fiscalização da Câmara dos Deputados. Segundo ela, é preciso dar uma resposta ao grito de socorro destas vítimas e estar efetivamente onde as pessoas precisam.

“Fizemos um estudo dos estados com maiores índices de violência contra a mulher e vamos ao longo dos trabalhos receber a colaboração de parlamentares de todo o país. Vamos trazer para o debate não só os desafios, mas também as boas práticas. A troca de experiência é fundamental” afirmou Flávia Arruda.

Plano de trabalho

Além da convocação de autoridades, farão parte do cronograma da comissão visitas técnicas, identificação de iniciativas, análise de protocolos e estruturas de atendimento e acolhimento, recursos empregados pelo poder público e ações de prevenção.

Clique aqui para ver Informações da Comissão

Acompanhe a Flávia 

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu